quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Tesão por ternura

Sou romântica,
 mas onde se escondem as rosas?
No aniversário de ternura,
ou na mentira de quem a dá,
só para Merecer um obrigado,
Meus olhos límpidos e brilhantes
estão a procura de amor, um amor
exibido, quando  não só se
demonstra em desejos.
Quero uma mão a me afagar, quero
sorrisos soltos, quero
presença mais que tudo.
Não vivo na cama, tenho muito
mais a explorar.
Um abraço, só um abraço, me faz tanta
falta, um abraço sem nenhuma intensão.
beijos estalados sem nenhuma razão, dados
por delicadeza, não por paixão.
Herta Fischer (Hertinha)